Sunday, March 20, 2011

Eu peguei as asas quebradas e aprendi a voar, eu peguei os olhos cegos e aprendi a ver. Mas porque você não pegou meu coração partido e aprendeu a me amar?

(Um Crime Quase Perfeito)

Saturday, March 19, 2011

Andando sozinho pelas ruas, eu olho ao meu redor. As lágrimas insistem em chegar aos meus olhos, depois que eu reparo que todo mundo tem um par. Queria que você estivesse aqui.

(Um Crime Quase Perfeito)

Eu olhei para a lua, e, meu deus, como ela brilhava. Mas aí eu lembrei de você. E a lua, bem alto, parecia apenas um ponto escuro,sem vida, no céu.

(Um Crime Quase Perfeito)

                         

Eu tinha você bem perto de mim. Mas num momento de fraqueza, minhas mãos buscaram segurar outras coisas, mas não você. Eu deixei você ir. E só agora eu percebi que para segurar suas mãos de novo, eu tenho que ir atrás. Eu sei que demorei, mas tenho certeza de apenas uma coisa. Eu vou. (UmCrimeQuasePerfeito)